segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

mas chegou o carnaval e ela não desfilou


Tá certo que tentamos. Teve pré-carnaval aqui em casa na sexta (duobloco), duas marchinhas cantadas no chuveiro no sábado logo cedo, algumas outras acompanhadas de um violão na casa do vizinho no sábado à noite. Mas a grande sensação foi a de domingo: um verdadeiro bloco de carnaval em frente ao Hôtel de Ville, a prefeitura de Paris!

Depois de um concerto adorável em Massy, desembarcamos direto pro sambão mais divertido e fantasiado da cidade! Certo, só havia uma meia dúzia de foliões fantasiados, mas a bandinha arrasou sapucaí! O frio cortante, aquele que eu amo de paixão, nos convidou para uma tímida cerveja e um adeus antecipado: voltamos pra casa embriagados de sonhos de carnaval, cantarolando minhas marchinhas preferidas... E depois de um Woody Allen divertido, dormimos abraçadinhos embalados pelo som nostálgico de um carnaval que, para nós, já passou...

2 comentários:

nuestras estorias disse...

nem te conto do meu carnaval no rio de janeiro... o mais longo da minha vida, com dois pré bem animados, um durante intenso e um pós meio sem-gracinha. foram 17 bloquinhos no total! todo mundo fantasiado, muita gente, muito calor. muita cerveja e mta água, muita alegria.
gostei do cartaz parisiense e me deu uma nostalgia ler dos gatos pingados fantasiados, de um carnaval no frio. senti na pele, me comoveu, crê? mas o amor é lindo e dormir abraçadinho no inverno deve ser melhor ainda. beijos, carol:)

fabi disse...

ai que delícia, carol!!!!
amo o calor, o rio, o carnaval, amo até o melado que dá, o confete grudado na pele!
saudades de ti!